Fátima Bezerra diz que Lula é perseguido pela imprensa e setores do judiciário

Ao defender o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a senadora Fátima Bezerra (PT-RN) cobrou posição do Senado a favor da democracia e da Constituição. Ela avalia que Lula foi condenado sem provas, num processo de natureza exclusivamente política, e sofre “perseguição por parte de meios de comunicação e setores do Judiciário".

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
Foto: Moreira Mariz/Agência Senado

Para Fátima Bezerra, a tentativa de impedir a candidatura de Lula é motivo de indignação para o povo brasileiro, que reconhece o trabalho de inclusão social que o ex-presidente desenvolveu em dois mandatos. A senadora lembrou que Lula continua sendo o candidato presidencial mais bem colocado nas pesquisas, e disse que, sem ele, o Brasil não terá “eleições legítimas e livres”.

"Nós temos que olhar para a Constituição, respeitar a Constituição. Isso passa por a gente respeitar o voto do povo, a escolha da população, ganhe quem ganhar, perca quem tiver de perder" disse.