STJ extingue processo movido por Jivago Castro contra Arimatéia Azevedo

Queixa-crime que Jivago movia contra o jornalista está definitivamente extinta

Em julgamento realizado no dia 15 de setembro de 2016, o Superior Tribunal de Justiça (STJ), por unanimidade, não conheceu recurso interposto por Jivago de Castro Ramalho em processo movido contra o jornalista Arimatéia Azevedo.

Assim, está definitivamente extinta a queixa-crime que Jivago movia contra o jornalista, acusando-o de ter cometido crime de calúnia no rumoroso “Caso Fernanda Lages”.

Segue abaixo a decisão

Mais lidas nesse momento