"Procuro trabalhar no dia a dia para ter o mínimo de erro", diz Dourado

Centroavante comenta primeiro gol de pênalti pelo Mengão

Mais uma ida às redes para a contagem do artilheiro. Na goleada desta quarta-feira (21) sobre o Madureira, Henrique Dourado anotou o terceiro dos quatro gols da noite na sua principal especialidade. Everton Ribeiro foi derrubado na grande área adversária e o árbitro assinalou a penalidade máxima. Dourado chamou a responsabilidade e bateu com extrema categoria.

Foto: Gilvan de Souza / Flamengo
Foto: Gilvan de Souza / Flamengo

Foi o primeiro gol de pênalti do camisa 19 pelo Mais Querido em sua única cobranç até aqui. Apesar de seu um exímio cobrador, o centroavante afirmou que o nervosismo está sempre presente antes de cada passada até para a bola que se encontra na marca da cal.

"Acho que a ansiedade tem em todas as cobranças. Procuro trabalhar no dia a dia para ter o mínimo de erro. Aqui no Flamengo temos ótimos cobradores também, como o Diego. Ele ainda falou para que eu batesse. Fico muito feliz. Glorifico a Deus por isso e agradeço também a todos os meus companheiros" disse, projetando um entendimento ainda maior com os colegas de equipe dentro das quatro linhas. "Espero que possa conhecê-los ainda mais. É o terceiro jogo apenas. Temos tudo para evoluir e quero continuar sempre ajudando", completou.

Mais lidas nesse momento