Residencial Lourival Almeida está pronto para ser inaugurado, falta o governo federal marcar a data

Quanto o antes o governo federal marcar a data melhor, diz secretário

Hélio Lopes: tudo pronto
Hélio Lopes: tudo pronto

O Secretário de Habitação Hélio Silva Lopes, de Timon, contabiliza um importante número em sua gestão em busca da diminuição do déficit habitacional. De 2013 para cá já foram entregues exatas 3.239 novas unidades habitacionais em Timon, dessas 3 mil foram construídas através do Programa Minha Casa Minha Vida, concentradas nos residências Cocais I e II, Miguel Arraes e João Emílio Falcão já habitadas e o residencial Lourival Almeida, que está em fase de assinatura de contratos entre a Caixa e os futuros mutuários e 239 casas construídas de forma pulverizada em bairros de Timon através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC).

De acordo com Hélio, o governo municipal tem projeto pronto para a construção de novos residenciais, mas aguarda a posição do governo federal, que até o momento não está liberando recursos para esses investimentos.

Prontas para inaugurar

O secretário explica a necessidade do Ministério das Cidades marca logo a entrega das últimas casas construídas em Timon no Residencial Lourival Almeida, que está em fase de encerramento de assinatura dos contratos até o dia 21 deste mês, a partir daí o Ministério tem 30 dias para marcar a entrega, mas o secretário adverte que o quanto antes melhor, pois a partir da assinatura de contrato, a Caixa começa a gerar o pagamento do boleto da primeira prestação e para evitar que os novos mutuários paguem a primeiro prestação sem estar morando na casa, o melhor é que as unidades habitacionais sejam entregues logo, evitando inclusive algum dissabor ou reclamação dos beneficiados, aconselha Hélio.