Sob intensa pressão

Algumas pessoas tentam segurar determinadas projeções políticas no Estado do Piauí, pelas mais variadas razões, que não vem ao caso aqui nesse espaço esmiuçá-las.

 

Aos fatos: 

Aquele prefeito, sempre reticente,   em admitir concorrer ao governo do Estado, nas próximas eleições, hoje, sem mais nem menos, após participar da Convenção Nacional do PSDB, em Brasília no último sábado, convenção essa, que elegeu por aclamação o governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alkimim como presidente nacional dos tucanos, ele prefeito Firmino Filho, fez  um périplo pelos canais de TVs locais nesta segunda-feira, a pretexto de falar sobre realizações de sua administração,  quando na verdade a finalidade de tanta falação, foi transmitir à população piauiense, que as pressões que vem recebendo do Diretório Nacional do PSDB, para que concorra ao cargo de governador do Estado, aumentam a cada dia, e ele Firmino Filho , como ficou claro na sua fala, não jogou mais no não, nunca, jamais, a possibilidade de candidatar-se ao governo do Estado nas próximas eleições.

Já dizíamos há tempos aqui nesse espaço , que seria inadimissível que, o PSDB ao lançar um candidato competitivo à presidência da República- Geraldo Alkimim, governador do Estado de São Paulo,  é esse candidato - viesse a abdicar de nomes com densidade eleitoral nos Estados, pertencente aos quadros peessedebistas, com candidaturas próprias aos governos estaduais.

 Todas as conjecturas a serem elaboradas a partir de agora, pelos mais diversos meios de comunicação , colocando dúvidas e mais dúvidas sobre a candidatura de Firmino Filho, terão, como finalidade única, serem por demais "agradáveis "  ao único postulante oficial até o momento , o governador do Estado Wellington Dias

É isso.