A estrada da morte

No dia 12 de março, neste mesmo espaço, publicou-se um texto com o título “A BR da morte”, tratando-se da urgente necessidade de obras de engenharia que deem mais segurança à rodovia federal BR-135, sobretudo no trecho entre Eliseu Martins e a divisa com a Bahia. São mais de 400 km onde é sempre grande o risco de acidentes em face das condições da estrada. O comentário deu-se face ao incômodo e inaceitável número de mortes naquele trecho rodoviário: 10 pessoas nos dez primeiros dias de março. Neste mês de junho, os mortos já somam nove e os feridos, 15. Uma só vida já seria o bastante para uma ação decidida de qualquer governo para evitar novos óbitos. Não no Brasil, onde em uma só estrada já se contabilizam 40 mortos de janeiro até aqui – média superior a sete pessoas mortas por mês. Esse número, infelizmente, vai aumentar, porque em Brasília não há quem dê ouvidos ou olhos ao laudo da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que pediu até a interdição da estrada, sobretudo no trecho Corrente (840 km de Teresina) e Bom Jesus – 635 km da capital. A PRF constatou falhas graves, como desnível de até 35 cm entre a pista de rolamento e acostamento, o que significa dizer que se um veículo sai da pista o motorista perderá o controle e tombará, com risco de perdas de vidas. 40 mortos somente este ano. Se nada for feito e mantida essa média de perdas de vidas, vamos chegar ao final do ano com 80 óbitos na BR-135. Não é algo que se possa aceitar passivamente.

Advogado Alvaro Mota e o livro sobre reforma política
Advogado Alvaro Mota e o livro sobre reforma política

Reforma
O presidente do Instituto dos Advogados do Piauí, Álvaro Mota, inicia a divulgação do livro "Reforma política", uma iniciativa do Colégio de Presidentes de Institutos de Advogados do Brasil. No livro existem 24 artigos sobre o tema, um dos quais assinado pelo jurista piauiense Celso Barros.

Lembrança
O pessoal de Brasília pode até já saber, mas é sempre bom lembrar da urgência de se fazer obras que garantam a segurança da BR-135. Pode-se decretar emergência, pode-se chamar o Exército, porque estamos tratando de vidas humanas perdidas numa estrada ruim.

O laudo 1
Convém lembrar ainda os principais dados e recomendações sobre a estrada no laudo da Polícia Rodoviária Federal: alargamento da pista, que em alguns pontos tem apenas 5,2 metros, quando deveria ter 7 metros; eliminação do efeito degrau, que chega ser de 35 centímetros entre a pista e o acostamento.

O laudo 2
A PRF recomenda ainda a implantação do acostamento, inexistente em boa parte da via, principalmente no trecho entre Eliseu Martins e a divisa do Piauí com a Bahia, melhoria da sinalização vertical e horizontal, serviços de drenagem, recuperação do asfalto e implantação de redutores eletrônicos de velocidade.

Encontro
Mão Santa (SDD) recebeu Wilson Martins (PSB) em sua casa, na praia do Coqueiro. Os ex-governadores trataram de eleição em 2018, quando Wilson pretende disputar uma das duas vagas de senador. Mão Santa poderá indicar um suplente na chapa.

Medalha
Como tem feito desde que assumiu, Mão Santa condecora seus visitantes.
O último foi exatamente Wilson Martina, medalhado com a medalha da ordem do mérito das quadrilhas, ops, do Merito Municipal.

Gatilho
Rodrigo Maia mantém vivos os pedidos de impeachment contra o presidente Michel Temer.
 Vai que é preciso, né?

Terceirização
A Secretaria de Desenvolvimento Rural tem feito contratos com empresas e associações para prestação de serviços de assistência técnica e extensão rural. A terceirização ocorre mesmo havendo um instituto para fazer esse trabalho, o Emater.

Uma saída
Talvez fosse o caso de extinguir o Emater e repassar o pessoal para a Adapi – Agência de Defesa Agropecuária, que necessita de mais agrônomos, veterinários e técnicos para dar conta de uma crescente demanda por vigilância fitossanitária e animal.

Festança
Com emendas dos deputados estaduais Joel Rodrigues (R$ 120 mil) e Fernando Monteiro (R$ 50 mil) foram repassados pela Secretaria de Cultura R$ 170 mil ao Instituto Nordestino de Arte, Cultura, Esporte e Educação para realização dos festejos do Sagrado Coração de Jesus, em Nazária.

Maconha livre
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária deve liberar até o final do ano o cultivo de maconha para uso medicinal. O Ministério da Saúde e a Polícia Federal devem ser ouvidos. Uma consulta pública também será feita na internet.

Mordida
O fim do e-Sedex, o serviço de encomenda dos Correios para compras pela Internet deve encarecer o custo das aquisições no comércio eletrônico. O custo a maior deverá se repassado ao consumidor.

Ping Pong

Incoerência

O humorista e vereador João Cláudio é entrevistado no programa de Amadeu Campos, na TV Cidade Verde. Chega a vez das perguntas dos telespectadores.
O telespectador: “Você, tendo uma formação católica tão profunda, não é incoerente ser membro do Partido Comunista?”
João Cláudio: “Incoerente é ser cristão e corrupto”.

Originalmente publicado em 24 de abril de 2005.

Expressas

R$ 3.546.905,81 é quanto a Universidade Estadual pretende aplicar em obras de reforma do campus central em Teresina.

R$ 50.000,00 foi quanto a Secretaria de Cultura repassou à Prefeitura de São João da Fronteira para a VI Festa do Vaqueiro. O dinheiro é de emenda do deputado Ziza Carvalho.

R$ 148.253,73 é quanto a Fundação de Esporte pretende aplicar na iluminação do estádio Deusdeth de Melo, em Campo Maior.